terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Ventilador sem Hélice

Esta é ótima, pesquisando na blosgosfera, encontrei este post super interessante no Arquitetando na Net, da arquiteta Thelma Christina http://arquitetandonanet.blogspot.com/. Confira: Sempre foi difícil harmonizar um ambiente com ventiladores, procurando um para colocar na casa de um cliente, que tem alergia aos condicionadores de ar, encontrei esse ventilador que é uma verdadeira revolução e deve ficar muito interessante, talvez num criado mudo ou numa estante. O fabricante é a Dyson, o ventilador Air Multiplier, não tem hélices (elas estão embutidas dentro dele, fazendo com que o ar seja empurrado de baixo para cima, formando um anel de ar).
Preço: US$ 300 (modelo com 25 cm) e US$ 330 (modelo com 30 cm)
Para saber mais acesse: http://www.dyson.com/fans/default.asp

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Iosa Ghini - arquitectura de futuro

Publicado em arquitectura por diana em 8 jan 2010

Muitas vezes tentamos imaginar como será a arquitectura num mundo futuro e, nessa altura, vêm-nos à cabeça imagens estereotipadas provenientes do cinema e da literatura de ficção científica.




Talvez tenha sido o caso de Iosa Ghini, o arquitecto italiano de Bologna que ultimamente tem sido falado pela loja / stand que fez para a Ferrari na Serravalle Scrivia, Itália, no exterior do outlet de McArthur Glen. A Ferrari Factory Store salta imediatamente à vista de qualquer visitante graças à forma, cor e estilo que a identificam inequivocamente com a marca. Encontra-se numa posição privilegiada no outlet, sendo visível do estacionamento e dos acessos locais circundantes.



  O edifício, com aproximadamente 370 m2, é caracterizado por uma galeria de vidro em curva, sem armação, que permite uma visibilidade total, quer se olhe de dentro ou de fora e dá uma percepção de continuidade a todo o edifício. O controle ambiental é assegurado por um sistema que aproveita a natural convecção do ar. Além disso, a superfície envidraçada é dotada de uma malha pontilhada que filtra os raios solares e armazena energia. Vanguardista, sem dúvida.



Visita obrigatória ao site de Massimo Iosa Ghini.

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Ecowood - madeira plástica

A madeira plástica ECOWOOD é um produto novo, ecologicamente correto, fabricado a partir da transformação de matérias-primas reaproveitáveis, naturais ou não, e de materiais recicláveis, como resíduos de diversos tipos de plásticos e fibras vegetais. Desse processo resultam peças que podem imitar e/ou substituir a madeira natural com vantagens. A base do produto é qualquer tipo de plástico reciclável, ao qual se pode agregar até 40% de fibras vegetais, tais como serragem, fibra de coco, bagaço de cana, bambu, borra de café, sisal, juta, sabugo de milho, casca de arroz, raspas de couro, algodão, folhas, e mais uma infinidade de outras. A utilização das fibras vegetais se dará de acordo com a disponibilidade local das mesmas. O processo de fabricação de ECOWOOD, baseado na aplicação de tecnologias modernas e sem queima de combustíveis fósseis, é totalmente inofensivo ao meio ambiente. ECOWOOD pode substituir a madeira natural na construção de decks, piers, móveis de jardim e piscina, cercas, pallets industriais, quiosques e outras peças que demandem um material prático, de alta resistência e que dispense manutenção. A substituição e especialmente vantajosa em ambientes hostis à madeira natural,como locais úmidos ou com excessiva exposição ao sol, por exemplo. Uso industrial: tablados e esteiras
ECOWOOD pode ser cortada, serrada, pregada, aparafusada ou fixada com encaixe e cola, enfim, pode ser tratada da mesma forma que a madeira natural. Pode ser comercializada em perfis (tábuas) ou em forma de produtos acabados, como pellets e mobiliário. A madeira plástica ECOWOOD pode ser pintada ou pigmentada, bem como pode receber a aplicação de aditivos para fins específicos, como proteção anti-chama ou anti-UV. Além disso o produto atende às determinações da NIMF nº15
Uso residencial: decks, móveis e estruturas
Adicionalmente, por ser capaz de substituir a madeira natural na maior parte de suas aplicações, a madeira plástica ECOWOOD contribui para a preservação das florestas brasileiras. E, por ser fabricada com base no aproveitamento de materiais recicláveis, ECOWOOD contribui para a retirada de resíduos do meio ambiente.
Sumarizando, o produto da ECOWOOD possui um substancial conjunto de vantagens competitivas: - Totalmente composta por materiais recicláveis; - Não empena, não racha e não solta farpas como a madeira natural; - Apresenta contração e expansão insignificantes sob temperaturas ambientes; - Não absorve ou retém umidade; é totalmente impermeável. - Dispensa a aplicação de resinas seladoras e vernizes; - Resistente à corrosão natural ou química; - Pode ser lavada com água e sabão; - Pode ser cortada, aparafusada, pregada, fixada com encaixe, colada com cola; - Pode ser trabalhada com as mesmas ferramentas aplicadas na madeira natural; - Pode ser pigmentada, pintada, acrescida de anti UV, anti chama e perfumada; - Não sofre com fungos ou insetos; é totalmente imune a pragas.
Para saber mais acesse: http://www.ecowoodrio.com.br/